quinta-feira, 23 de janeiro de 2014

0

POR CIÚME, HOMEM ACORRENTA ESPOSA GRÁVIDA POR MESES EM JOÃO PESSOA


Uma jovem grávida de 23 anos estava há meses acorrentada dentro de casa na zona rural entre os municípios de Pilõezinhos e Serraria, a cerca de 150 km de João Pessoa (PB). 
Ela conseguiu escapar e ficou cerca de dez horas perdida dentro de uma mata até ser encontrada. A mulher apontou o marido como o suspeito do cárcere e disse que ele afirmava ter ciúme dela.
Ela relatou à polícia que começou a se relacionar com o marido há um ano. Quando foram morar juntos, ele a acorrentou. Ela disse ter sido espancada, estuprada, acorrentada e teve os cabelos cortados. Por ciúme, ele dizia que ela tinha um amante. O suspeito ainda proibiu a vítima de se comunicar com a família.

Ela relatou à polícia que começou a se relacionar com o marido há um ano. Quando foram morar juntos, ele a acorrentou. Ela disse ter sido espancada, estuprada, acorrentada e teve os cabelos cortados. Por ciúme, ele dizia que ela tinha um amante. O suspeito ainda proibiu a vítima de se comunicar com a família.

R7

Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Informamos que o seu comentário só será publicado caso este não quebre as regras do Itambé Agora. Dê sua opinião com responsabilidade!

Todos os comentários postados serão moderados pelo blog.

Os comentários expressos pelos nossos visitantes podem não representar o pensamento do blog.

Comente!!!